Com Wii U, Nintendo diz: “Nós sabemos fazer igual, se quisermos…”

Wii U: controle ou videogame?

Ser “jornalista de games” é olhar a indústria por trás da lona do teatro, é ver o backstage sujo e escuro, os atores trocando de roupa nervosos esperando a próxima deixa para entrar em cena. Trabalhar nesta área além de mostrar as novidades ao consumidor final (você leitor!) também é saber de muitas coisas antes do tempo e analisar o mercado tentando rastrear o que vem pela frente. É um trabalho interessante e ao mesmo tempo tem tudo a ver com jornalismo tradicional, mesmo sabendo que são poucos que realmente enxergam a coisa dessa maneira.

No dia 7 de junho, a Nintendo fez sua conferência anual durante a Electronic Entertainment Expo, a famosa E3 em Los Angeles. Além de novos games e novidades em relação ao portátil Nintendo 3DS a empresa falou sobre seu novo console/controle/tablet, o Wii U. Foi muito interessante assistir a apresentação e se perguntar o tempo inteiro: “O que diabos é isso?”. Propositalmente, a Nintendo deu mais atenção ao acessório, uma espécie de tablet com controle embutido, do que com o hardware, uma pequena caixa branca que ficava ao lado do aparelho e que a princípio demorou para ser notada.

O que posso dizer inicialmente sobre este novo aparelho é que é sim um novo console da Nintendo com gráficos e processadores atualizados, retrocompatível com todos os acessórios e jogos já lançados para o Wii, mas com um controle inovador. Aliás, o Wii U é o controle e não o restante do hardware que vem com ele. Confuso? No início, eu também estava.

Fato é que uma parte do hardware ficará naquela caixinha branca e sem nome enquanto o restante estará dentro do controle/tablet. O aparelho terá o princípio da tecnologia de nuvem (Cloud), o que permitirá ao jogador transferir o que estiver fazendo de sua tv para o controle e vice-versa. Além disso, o aparelho terá uma loja virtual decente e conexão com a internet mais eficiente para os gamers online.

Convenhamos, a Nintendo não sobreviveria mais um ano apenas com o Wii e suas funcionalidades defasadas por muitos anos. Aliás uma coisa que aprendi neste mercado é que a tecnologia dos videogames é estática. Enquanto processadores melhoram a velocidade e diminuem de tamanho com o passar dos anos, os consoles continuam com a mesma tecnologia anos a fio sem alteração. Além disso é uma tecnologia barata, portanto necessita de muita negociação. Os videogames precisam ser baratos e ter a tecnologia de ponta, mas um aparelho não pode custar 3 mil dólares. Por isso dá para imaginar porque o Nintendo 3DS tem as telas 3D estereoscópicas (uma tecnologia anterior) e também porque o PS Vita sequer tem 3D, porque com essa tecnologia atualizada faria o preço do novo portátil não ser competitivo. Aliás a Sony mostrou muito 3D durante a CES 2011 com uma linha inteira de computadores, câmeras de vídeo e digital, PS3 e televisores com a nova tecnologia, mas o novo portátil continua sendo 2D. Estranho, não?

O Wii U é uma atualização crucial na linha de videogames da Nintendo e uma boa parte dos leitores sabia disso.
Apesar de adorarmos a inovação dos consoles, os fãs da Nintendo queriam gráficos melhores e imagem full HD para suas novas tvs. E quando falo isso estou citando tanto hardcore quanto casual gamers. Neste sentido, o Wii U faz exatamente aquilo que precisávamos.

Completinho ele é assim ó! Tem um hardware lá no canto. A caixinha sem nome!

A retrocompatibilidade é algo absolutamente necessário porque temos pelo menos uma dezena de games do Wii, um monte de controles e uma Balance Board que não podem ficar parados. Isso sem falar em um monte de outros games incríveis já lançados que teriam um visual muito melhor se fossem em HD. Quem aqui já não se deparou com fotos de divulgação de games do Wii em HD, comprou o jogo, mas quando chegou em casa viu que o cabo vídeo componente não reproduzia aquele padrão?

Bom, mas além de poder jogar games com gráficos compatíveis com qualquer PS3 e Xbox 360, o aparelho ainda terá a tablet como fator inovação. Quando Reggie Fils-Aime, presidente da Nintendo americana, disse no ano passado que seu maior concorrente no mercado de games não era a Sony, mas sim a Apple não estava brincando. Além de adaptar quase todas as inovações tecnológicas dos últimos tempos (faltou o 3D com óculos!), o Wii U entra na briga dos tablets chutando a porta. Se a empresa nos próximos anos criar softwares fáceis de usar e úteis como os que há no iPad terá toda a chance de roubar uma fatia do mercado da Apple, assim como ela roubou do mercado de games. É uma briga de gente grande.

Ao visitar a CES 2011 este ano eu percebi muitas das inovações que veremos embutidas em games e acessórios nos próximos dois ou três anos. Além de processadores multinucleares e agregadores de processamento de áudio e vídeo que economizam energia e aumentam a velocidade haviam novos conceitos em 3D e telas de toque mais finas e modernas.

Na minha coleção tem espaço sim para um Wii U e para um Playstation Vita com certeza.

Com o Wii U, a Nintendo atualiza seus aparelhos e diz ao mercado:“Nós sabemos fazer igual, se quisermos mas preferimos inovar”.

Eu percebi que muitos leitores estão preocupados com Playstation 4 e um futuro Xbox 720 e digo que mesmo que estes aparelhos fossem anunciados hoje, apenas a melhoria gráfica não bastaria para atrair novos jogadores. A guerra dos games hoje está centrada nos acessórios e na inovação que estes podem trazer para a diversão de jogar. Acho que não existe mais importância no visual já que aparentemente não teremos o salto de qualidade que vimos na mudança do SNES para o Playstation.

Abaixo você confere as especificações do que vem no Wii U oficialmente. Aliás eles não falam nada do sensor dos Wii Motes (será poderemos usar o mesmo do Wii?), dos cabos e nem preço.

Lançamento:

2012

Tamanho:

Aproximadamente 1,8 pol (4,6 cm) de altura, 6,8 pol (17,4 cm) de largura e 10,5 pol (26,9 cm) de comprimento.

Novo Controle:

O novo controle incorpora uma tela sensível ao toque de 6,2 polegadas (15,9 cm) e proporção 16:9, além de botões tradicionais, incluindo dois botões deslizantes analógicos. Essa combinação remove as barreiras tradicionais entre jogos, jogadores e a TV ao criar uma segunda janela para o mundo dos jogos eletrônicos. O controle recarregável inclui botão Liga/Desliga, botão Home, botão direcional +, botões A/B/X/Y, botões L/R e botões ZL/ZR. Ele inclui acelerômetro e giroscópio integrados, recurso de vibração, câmera, microfone, alto-falantes estéreo, faixa sensora e caneta stylus.

Outros controles:

Até quatro controles Wii RemoteTM (ou Wii Remote Plus) podem ser conectados ao mesmo tempo. O novo console é compatível com todos os controles e dispositivos de comando WiiTM, incluindo os controles NunchukTM, Classic ControllerTM e Classic Controller ProTM, além da Wii Balance BoardTM.

Mídia:

Uma baia de mídia individual com alimentação automática reproduzirá os discos ópticos proprietários de 12 centímetros e alta densidade produzidos para o novo console, assim como os discos ópticos de 12 centímetros para o Wii. Discos com capacidade de até 25 gb.

Saída de vídeo:

Suporta 1080p, 1080i, 720p, 480p e 480i. Os cabos compatíveis incluem HDMI, componente, S-video e composto.

Saída de áudio:

Conector AV Multi Out (saída múltipla de áudio e vídeo). Saída linear PCM de seis canais por HDMI.

Armazenamento:

O console terá memória flash interna, bem como a opção de expandi-la usando um cartão de memória SD ou uma unidade de disco rígido externa USB.

CPU:

Microprocessador multinúcleo baseado em IBM Power®.

Outros:

Quatro slots para conectores USB 2.0 estão inclusos. O novo console é retrocompatível com jogos e acessórios para Wii.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s